Current track

Title

Artist


A ajuda da Cruz Vermelha de Torres Vedras ao povo ucraniano

Written by on 22 de Março, 2022

A Delegação de Torres Vedras da Cruz Vermelha Portuguesa está a apoiar as famílias com crianças a cargo, deslocadas por motivo do conflito na Ucrânia.

A 24 de fevereiro de 2022, teve início a invasão russa à Ucrânia.

Com os milhares de refugiados a surgir, vítimas de uma guerra que tira a vida e oferece condições desumanas a muitas pessoas, começaram a surgir inúmeros apelos de ajuda.

A Cruz Vermelha colocou ‘mãos à obra’ e, prontamente, lançou uma campanha preparada para ajudar famílias com crianças a cargo.

A campanha consiste, então, na angariação de vários produtos que fazem falta a estas famílias. A mesma ainda se encontra a decorrer, assim permanecendo até deixar de fazer sentido.

Para esclarecer a ideia da campanha em si e os seus detalhes, bem como todos os produtos que são necessários recolher, a Delegação de Torres Vedras da Cruz Vermelha Portuguesa respondeu a algumas questões da ONFM.

 Em que consiste a vossa campanha?

A Delegação de Torres Vedras da Cruz Vermelha Portuguesa está a apoiar as famílias com crianças a cargo, deslocadas por motivo do conflito na Ucrânia, e que se encontram no Concelho de Torres Vedras.  A nossa prioridade passa por garantir uma resposta imediata no apoio a estas crianças bem como às suas famílias com géneros alimentares e de higiene, roupa e brinquedos. Esta resposta foi surgindo de forma espontânea por solicitação de familiares que vão receber ou já receberam no seu domicílio estas famílias, assim como encaminhamento de outras entidades do concelho.

– Até quando estará a mesma em vigor?

De momento, a campanha mantém-se aberta e será mantida enquanto existirem necessidades a suprimir.

– Que produtos, dos que estão a recolher, fazem mais falta neste momento?

A nossa ajuda passa por criar um kit de emergência básica para estas famílias, constituído por: bens alimentares de primeira necessidade (Leite, Cereais de Pequeno Almoço, Papas lácteas, bolachas, enlatados) e produtos de higiene para bebés e crianças ( fraldas, shampoo, gel duche, toalhitas, pastas de dentes, escovas de dentes, cremes hidratantes, entre outros).

Relativamente a vestuário, têxteis e brinquedos, por enquanto a necessidade não é tão urgente porque temos stock, sendo importante sensibilizar a população para o que necessitamos a curto prazo, nomeadamente alimentos e produtos de higiene para bebés e crianças.

– Como tem sido a adesão dos torrienses/oestinos a esta campanha de solidariedade?

A adesão da comunidade torriense é como habitualmente muito grande, somos uma terra de espírito solidário e sentimos que quando a nossa delegação leva a cabo estas iniciativas a população responde e reconhece o nosso esforço na recolha e na forma idônea e organizada com que decorrem a sua distribuição. Não podemos deixar de alertar que mais uma vez estas campanhas se focam em recolhas de bens mais necessários e sempre que possível apelamos aos torrienses dadores atenção para a lista dos bens que mais podem ajudar nesta fase. 

– Será a única ação da Cruz Vermelha Delegação de Torres Vedras ou existe mais alguma campanha a ser projetada?

Está a ser conjeturado um concerto solidário, e pretendem que a Cruz Vermelha de Torres Vedras seja o fiel depositário de géneros alimentares recolhidos no evento, com o fim dos fazer chegar às famílias ucranianas refugiadas e acolhidas no nosso concelho.

A Cruz Vermelha mais uma vez está atenta e recetiva a ajudar quem chega à comunidade e que precisa de apoio social.


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *