Current track

Title

Artist


Finlândia e Suécia ameaçadas pela Rússia

Written by on 25 de Fevereiro, 2022

Caso adiram à aliança de segurança da NATO, poderá haver consequências.

Esta sexta-feira, dia 25, o porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros russo referiu que, caso a Finlândia ou a Suécia apoiem a aliança de segurança da NATO, poderá haver uma “resposta séria” por parte de Moscovo.

Numa conferência de imprensa, a porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros russo, Maria Zakharova sublinhou que uma decisão destas “teria sérias consequências militares e políticas que obrigariam o nosso país a tomar uma resposta recíproca”.

“Nós consideramos a posição do governo finlandês de manter uma política militar de não-alinhamento como um fator importante para garantir a segurança e a estabilidade no Norte da Europa, acrescentou ainda o ministério, numa publicação no Twitter.

Note-se que, apesar dos dois países europeus não pertencem à NATO, a Finlândia participa em alguns assuntos, como é o caso da reunião que decorreu esta sexta-feira em Bruxelas, nas qual marcou presença.

Em janeiro, a primeira-ministra finlandesa Sanna Marin revelou que era “muito improvável” que o país aderisse, durante o seu mandato, à Aliança Atlântica.

Ao início da tarde desta sexta-feira, dia 25, Hanna Malyar, vice-ministra da Defesa da Ucrânia, fez uma balanço sobre o número de mortes de soldados russos.

De acordo com uma publicação realizada pela responsável no Facebook, já morreram aproximadamente 2 800 soldados russos.

Sabe mais aqui.

Fonte: CNN


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *