Current track

Title

Artist


Reunião do Infarmed acontece hoje. Primeiro-ministro está otimista

Written by on 19 de Novembro, 2021

Reunião do Infarmed acontece hoje.

Portugal tem vindo a registar mais de 2000 novas infeções e os óbitos também estão a aumentar. Contudo, encontramo-nos distantes da média das mais de 70 mortes diárias que vivemos há um ano e da média próxima dos seis mil casos de infeção, isto devido à elevada percentagem de população vacinada.

António Costa, alertou para o avançar dos casos de infeção, afirmando que o país não pode “descansar à sombra da vacinação” e recordou que “o tempo também ajuda e o frio e a época da gripe vão aumentar e temos de ter cuidados redobrados”.

O primeiro-ministro admitiu ainda “preocupação” pela evolução do número de infetados pelo novo coronavírus”, mas vincou não considerar “previsível que se tenham que tomar outra vez medidas com a dimensão” que tiveram no passado, dado a vacinação ter “assegurado também que mesmo as pessoas que são infetadas o são de forma menos gravosa”.

No entanto, devido ao aumento da transmissão do vírus, torna-se necessário definir uma estratégia para as próximas semanas, mas antes de tomar qualquer decisão, o Governo vai ouvir os peritos, na reunião do Infarmed, que irão propor algumas medidas de prevenção para tentar dar resposta aos desafios do combate à pandemia que surgem com o frio e a proximidade do Natal e da passagem de ano.

Há uma medida, para já, que é o uso de máscara obrigatória, medida que também já foi sugerida por Marcelo Rebelo de Sousa.

Recorde-se que um estudo de revisão sistemática sobre a eficácia das medidas de saúde pública contra a covid-19 defende que o controlo da pandemia depende de uma “adesão contínua” a medidas não farmacológicas, como máscara, lavagem de mãos e distanciamento social.


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *