Current track

Title

Artist


Médicos em greve de três dias em novembro

Written by on 14 de Outubro, 2021

A Federação Nacional dos Médicos (FNAM) e o Sindicato Independente dos Médicos (SIM) consideram “insustentável” a situação do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Por considerarem “insustentável” a situação do Serviço Nacional de Saúde (SNS), a Federação Nacional dos Médicos (FNAM) e o Sindicato Independente dos Médicos (SIM) agendaram uma greve para os dias 23, 24 e 25 de novembro.

Em declarações aos jornalistas, Noel Carrilho, presidente da FNAM, disse que “a situação a que chegou o SNS e o nível a que estão a ser sujeitos em termos de condições de trabalho dos médicos são insustentáveis, sendo que as propostas em relação ao Orçamento do Estado para os médicos e SNS são de tal modo insuficientes que mal merecem a nossa consideração”.

De acordo com Roque Cunha, secretário-geral do SIM, a greve tem como objetivo “exigir o financiamento do SNS e passar das palavras aos atos, já que é evidente um pouco por todo o país que os médicos, apesar de todos os esforços feitos, não conseguem aguentar mais”.

De acordo com o responsável, a paralisação “está nas mãos do Governo evitar”. O sindicalista acrescentou que, “se houver investimento no SNS, estaremos totalmente disponíveis para que esta forma de luta não seja atingido”.

Segundo Roque Cunha, “depois da vacinação e do controlo da pandemia, este é o momento de dizer “basta”.

Em comunicado enviado às redações, a FNAM revelou as reivindicações que os médicos, e os seus sindicatos, consideram que devem fazer parte de “um processo negocial honesto e de reais efeitos práticos”, são elas “a melhoria das condições de trabalho; a defesa da carreira médica, ou seja, de uma diferenciação técnico-científica de qualidade; a justa e adequada remuneração dos médicos; a possibilidade de opção pelo regime de trabalho em dedicação exclusiva, devidamente majorada e acessível a todos os médicos”.

Fonte: Agência Lusa/ Notícias ao Minuto

Fotografia: Mário Cruz – Lusa


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *