Current track

Title

Artist


Requalificação da urgência de Torres Vedras por 1,6 ME autorizada pelo Governo

Written by on 20 de Janeiro, 2021

Elsa Baião, presidente do conselho de administração do Centro Hospitalar do Oeste (CHO), disse hoje que o Governo autorizou que seja lançado concurso, no valor de 1,6 milhões de euros, para remodelar a urgência de Torres Vedras, no distrito de Lisboa.

Em julho de 2019, o CHO já tinha obtido autorização do Governo para a empreitada, mas necessitou de rever o projeto de arquitetura, o que obrigou também a rever o custo da obra, que aumentou de 1,3 milhões de euros para 1,6 milhões de euros, explicou à agência Lusa.

O projeto contempla a remodelação da urgência, onde há “muitas deficiências e o espaço é desadequado”, criando “melhores condições para os utentes e para os profissionais”.

A urgência vai ser ampliada para o espaço do atual refeitório, aumentando para essa zona a área da sala de observação. O refeitório vai ser transferido para outro local do edifício.

Vão também ser feitas obras nas instalações sanitárias dos utentes no internamento dos serviços de cirurgia e medicina.

Com um prazo de execução de ano e meio, a intervenção é financiada em 25% por fundos comunitários, estando a candidatura já aprovada.

O Centro Hospitalar do Oeste integra os hospitais de Torres Vedras, Caldas da Rainha e de Peniche e serve cerca de 300 mil habitantes daqueles três concelhos, assim como de Óbidos, Bombarral, Cadaval e Lourinhã e parte dos concelhos de Alcobaça (freguesias de Alfeizerão, Benedita e São Martinho do Porto) e de Mafra (com exceção das freguesias de Malveira, Milharado, Santo Estêvão das Galés e Venda do Pinheiro).

Fonte: Agência Lusa


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *