Current track

Title

Artist


Participantes de orgia com eurodeputado acharam que polícias eram “parte do show” e tentaram despir agentes

Written by on 7 de Dezembro, 2020

Os participantes da orgia gay assumiram que se tratavam de strippers disfarçados.

Continuam a surgir pormenores caricatos sobre a orgia que envolveu o eurodeputado húngaro József Szájer, ocorrida na passada sexta-feira em Bruxelas, na Bélgica.

David Manzheley, o organizador da festa de sexo, revela agora que, quando a polícia irrompeu pelo apartamento para travar a festa de sexo [que violava as restrições impostas no país para travar a Covid-19] os participantes acharam que os agentes eram strippers contratados, vestidos de polícias, e tentaram despi-los.

O assegura que os convidados estavam convencidos de que a operação policial “era parte do show” e que, em alguns casos, “chegaram a tentar tirar as calças aos polícias, porque acharam que também faziam parte da orgia”.

Na Bélgica, que tem sido bastante afetada pela pandemia da Covid-19, as reuniões sociais estão limitadas a quatro pessoas, mas David Manzheley insiste que não fez “nada de mal”.

O estudante de doutoramento, volta a reforçar que os participantes na festa de sexo já tinham tido Covid-19 e que, por isso, não corriam qualquer risco.

“Tive o cuidado de verificar que ninguém tinha sintomas. E eu confio que os meus amigos não me iam mentir sobre isso”.

Ainda, segundo David, dois dos homens presentes na orgia “eram enfermeiros e, se houvesse algum risco, tomaria a avaliação deles como regra”.

Fonte: Correio da Manhã.


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *